8

QUER FAZER O BRONZEADO DURAR?

Sol, verão e dias quentes, não há nada melhor que aproveitar esse trio do lado de fora de casa, afinal, quem não gosta de pegar aquele bronze no verão? Mas não é porque o clima é maravilhoso que você deve se esquecer dos cuidados com sua saúde – principalmente, com a pele.

 

Roupas leves e uma alimentação balanceada, independentemente do objetivo estético, são sempre indispensáveis. Além disso, é importante ter cuidado para que a exposição ao sol não traga prejuízos à pele, mas, com medidas simples e uma alimentação adequada, você pode se expor ao sol e adquirir a cor desejada sem prejudicar a saúde. Uma boa pedida para as situação são os carotenoides, pigmentos fotossintéticos que colorem os alimentos e são capazes de auxiliar no bronzeamento. Confira.

 

Betacaroteno

 

O betacaroteno, um tipo de carotenoide, é um pigmento cuja coloração vai do amarelo ao vermelho. Esses alimentos tem maior tendência a se transformarem em vitamina A no organismo, o que faz dele o carotenoide mais importante e abundante na natureza. Ele apresenta forte ação antioxidante, principalmente sobre a pele, sendo coadjuvante na proteção contra a radiação solar.

A vitamina A, por sua vez, está ligada à produção de melanina, pigmento responsável pelo bronzeado da pele quando exposta à luz solar, o que auxilia no processo de bronzeamento e na manutenção do bronzeado. Nosso organismo, de acordo com cada tipo de pele, possui quantidades diferentes de melanina, que tem sua produção aumentada através da exposição regular ao sol.

Para garantir a eficácia do efeito bronzeador, o consumo de betacaroteno deve ser frequente e na medida certa, pois só assim os benefícios serão recebidos com sucesso pelo organismo.

 

Licopeno

Outro membro da família dos carotenoides, o licopeno está presente em alimentos de coloração vermelha. Mas diferente do betacaroteno, ele não é precursor de Vitamina A. Ele tem poder antioxidante e um papel fundamental na defesa contra o estresse oxidativo no corpo humano.

A melhor maneira de consumir o licopeno é cozido, pois o rompimento das paredes celulares facilita o contato dessa substância com a mucosa intestinal, permitindo melhor absorção. O licopeno presente no tomate cozido, por exemplo, é melhor aproveitado pelo organismo que aquele encontrado no tomate cru.

Além das cápsulas de betacaroteno e licopeno, devemos acrescentar alimentos fontes de ômega-3 nas refeições, já que esse nutriente auxilia na absorção do betacaroteno. Semente de linhaça, chia e oleaginosas são fontes de ômega-3.

PROCURAR POR PALAVRA-CHAVE

shutterstock_292297256

GUIA PARA APROVEITAR SHOWS E FESTIVAIS

Tudo o que você precisa saber para aproveitar muito o dia. Confira!

SAIBA MAIS

CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DA BATATA DOCE

A batata-doce é mais maravilhosa do que você imagina.

SAIBA MAIS
shutterstock_118136980-(1)

DÁ PRA VIVER SEM CARRO?

SIM! Veja o lado positivo de viver sem motor.

SAIBA MAIS
shutterstock_277426841-(1)

VAMOS TREINAR EM UM LUGAR MAIS VERDE?

A natureza pode te ajudar muito na hora de treinar.

SAIBA MAIS
shutterstock_38435221-(1)
reunião-fit-tapioca

REUNIÃO DA GALERA FIT = FESTIVAL DA TAPIOCA!

Bem mais saudável que qualquer churrasco.

SAIBA MAIS

PLANTAS QUE MELHORAM A QUALIDADE DO AR

Conheça as plantas capazes de filtrar e purificar o ar da casa.

SAIBA MAIS
shutterstock_325399130
Connect Error (2002) Can't connect to local MySQL server through socket '/var/run/mysqld/mysqld.sock' (2)